Valença com ponte internacional com mais de 136 anos

Detalhes… No “Reino” encantado do Minho… A ponte internacional com mais de 136 anos – Valença

_____________________________________________________________________________________________________________
“A melhor parte da vida de uma pessoa está nas suas amizades.” – Abraham Lincoln
_____________________________________________________________________________________________________________
Emblemática ponte internacional de Valença que une Valença e Tui, na Galiza, celebrou 136 anos no passado mês de Março, a ponta foi projectada pela casa Eiffel, e é um símbolo histórico da ligação do Minho à Galiza.
Longe vai o ano de 1879, em que os dois países acordaram a construção da ponte, com ligação rodoviária e ferroviária, numa despesa que a Portugal ultrapassou os 101 mil reis. Da parte de Espanha foram gastos 104 mil reis para assegurar a despesa e a pedra aplicada na ponte veio de Lanhelas (Caminha) e de Guilharey (Espanha), além de 1.540 toneladas de ferro. O comprimento total, incluindo os viadutos sobre as margens é de 400 metros.
Mais do que uma mera ligação entre dois povos, a antiga ponte, que assegura também o tráfego ferroviário entre os principais portos do Norte de Portugal e da Galiza, assume-se como palco privilegiado dos momentos marcantes da vida das populações transfronteiriças.
A ponte é composta por uma superstrutura em viga metálica, de treliça de rótula múltipla, com cinco tramos contínuos. Com 318 metros de comprimento, cruza o Rio Minho, tendo dois tabuleiros, um superior para a via férrea, e um inferior para uso rodoviário.
O projecto para uma ligação ferroviária internacional na Galiza data de 1856, quando o rei D. Pedro V defendeu a construção de um caminho de ferro a começar na Linha do Leste, então em planeamento, e a terminar em Vigo, passando pela cidade do Porto, uma vez que, com este traçado, ficaria mais próximo da fronteira com França do que a passagem por Badajoz. Em 1867, o governo apresentou vários projectos para ligações ferroviárias, incluindo uma, a partir do Porto, que iria ligar a Espanha pelo Minho. O troço até Valença da Linha do Minho foi, assim, inaugurado em 6 de Agosto de 1882.
Esta estrutura começou a ser construída em 1882, tendo sido inaugurada em 25 de Março de 1886, como parte do Ramal Internacional de Valença, tendo os custos de construção sido divididos entre os governos Português e Espanhol.
(42° 2’8.72″N 8°38’46.98″W) Av. De Espanha – Valença – Viana do Castelo – Portugal
_____________
Por Daniel Jorge
_____________________________________________________________________________________________________________
Logo

Nascemos porque acreditamos que a Regionalização é uma prioridade política nacional capaz de criar novos dinamismos sociais e económicos para construir uma sociedade mais justa e próspera.

Politicamente inconvenientes precisamos que seja nosso aliado na defesa da região Norte para enfrentarmos os desafios de sempre. Sem medo, com a independência que nos é oferecida pelos nossos leitores de quem dependemos ao produzir diariamente os conteúdos noticiosos que editamos.

Esteja connosco nesta luta comum. ASSINE AQUI. Obrigado

PHP Code Snippets Powered By : XYZScripts.com