…e no fim da passagem!

Ninguém é dono de nada
do que existe neste mundo
tanta luta camarada
tudo cá fica no fundo.
*
Goza a vida companheiro
porque nada vais levar
esquece lá o cangalheiro
porque alguém lhe há de pagar.
*
Come bebe e canta o fado
e está o assunto arrumado
o resto há de se ver.
*
Que importa o que o povo diz
que seja muito feliz
Por ti ninguém vai morrer.
*
Por Rodela (António Taipa, autor popular de Freamunde)
Logo

Nascemos porque acreditamos que a Regionalização é uma prioridade política nacional capaz de criar novos dinamismos sociais e económicos para construir uma sociedade mais justa e próspera.

Politicamente inconvenientes precisamos que seja nosso aliado na defesa da região Norte para enfrentarmos os desafios de sempre. Sem medo, com a independência que nos é oferecida pelos nossos leitores de quem dependemos ao produzir diariamente os conteúdos noticiosos que editamos.

Esteja connosco nesta luta comum. ASSINE AQUI. Obrigado